quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Sensações

Terça-feira aceito um convite para ir ao cinema. O filme escolhido foi "Sim Senhor", com Jim Carey. Tudo parecia dar errado pra mim. Meu relógio estava atrasado, e eu não percebi, o que me fez chegar com uns 10 minutos de atraso na sessão. Meu humor não estava nada bom. Enquando as pessoas riam aos montes, eu me sentia totalmente perdida ali, apenas queria ir para casa. Hora ou outra eu ria, um riso forçado, tentando fazer igual a todo mundo. Saía um som estranho. Comi bobagens, é claro. Milk-shake, batata rufles e um tablete de chocolate Toblerone. Pra ajudar a descer uma coca-cola. Finalmente o filme acaba. Ligo pra minha mãe nos buscar e volto para casa. Ligo para a Camila, estava triste mas sem sucesso, tentei não encher ela demais. Enquanto falo com ela, meu celular toca. É minha amiga L. , da escola, dizendo que tinha combinado com a N, outra amiga, de irmos na casa dela no dia seguinte, entregar os presentes de aniversário da filha dela, que estava completando dois anos. OK. Penso que aquilo ia me distrair, que ia ser como antigamente, que quando ficassemos juntas eu me sentiria bem, e esqueceria um pouco dos meus problemas. Detalhe: Eu não tinha comprado o presente ainda, e estava sem dinheiro. Mas mesmo assim aceito. Tudo que posso gastar é R$5,00, a situação tá feia aqui. Compro uma bola, um pouco menor que a bola do Quico, e um par de presilhas para o cabelo. No dia seguinte, sem vontade nenhuma, lá vou eu... Ela adorou a bola de R$3,00, estendeu os braços para pegá-la. Mas eu passei a tarde inteira com vontade de ir embora de uma vez. Conversamos e tudo, mas eu só queria voltar para casa. Minha amiga me deu indiretas, dizendo que está a fim de fazer academia. Eu provavelmente devo ser a companhia perfeita, a única que preciso. Finjo que não entendo as indiretas e digo que acho que deve ser um saco fazer academia.

To cansada da vida. Nada mais tem graça. Não consigo me concentrar. Mas preciso me recuperar, preciso de mim mesma.

5 comentários:

Bella =X disse...

É muito estranho quando agente se sente tipo um amendoim que caiu num saco de pipoca sem querer, tipo assim, hoje a minha amiga faltou.No recreio eu realmente não estava a fim de ficar mendigando atenção à pessoas com o qual eu não tenho nada em comum,ou não me deixariam falar...eu não estava com vontade de cometer idiotices deste tipo só para não ficar sosinha, neste dia.

Apenas me encostei na parede e fiquei no lugar onde costumava ficar quando estava c/ a minha colega, me senti meio sosinha, porque ficava um monte de gente de blablablá, gente conversando, rindo...

Aliás, tem uma garota chatinha que fica nos seguindo pra cima e pra baixo, eu NÃO suporto ela, nesse dia ela resolveu passar o recreio c/ a colega dela.Eu achei que seria ridículo eu tratar ela com indiferença todo dia e ignorá-la algumas vezes e nesse dia, quando a minha amiga não veio eu ser lega com ela e ficar conversando, até porque se ela quizesse ficar comigo estaria do meu lado.

Hoje eu aprendi que meu MP4 SEMPRE deve estar comigo e que é melhor conseguir o respeito do que a admiração das pessoas.Ah, e eu definitivamente não tenho imaginação(que segundo Albert Einstein é mais importante do que inteligência), eu poderia ter arranjado algo mais criativo pra fazer u.ú.

E olha, gata, todo mundo come besteira no cinema, não tem escapatório!VocÊ consegue ficar quase 2 horas em uma sala grande e escura cheia de gente comendo(inclusive seus amigos) e não comer nada?Pior se você comprar apenas uma bebida(suco...), pq vai no banheiro toda hora.

Ah, e tem dias que agente quer ficar sosinha mesmo, normal.Ou não quer sair de casa...

Sobre o prfsr de português,
É, foi uma bomba p/ mim, parece até que foi de propósito, como se ele quizesse dizer:"Se for pra falar merda fica calada, sua tola", por um momento pensei isso, mas deve ter sido ingenuamente mesmo xD
Tomara!

Bjaum!

Holly disse...

Sabe, não podemos desistir da gente . Apesar de todos os nossos defeitos não podemos cansar da gente.
Tira esse final de semana p/você ficar sozinha...pensar na vida, nos seus atos, refleti no q está te incomodando. Pq sabemos q toda essa questão de peso q nos atormenta tem algo além...algo q nos incomoda enos impede de sermos igual as outras pessoas q conseguem ser "felizes" sem todas essas nossoas neuras.
Enfim querida, mude.
Se vc acha q não está dando certa seguindo um caminho, mude o caminho, mude o método para chegar aonde vc almeja.
(Nossa, acho q tô viajando aqui. )
Espero que você melhore ...
Beijos e tenha um bom fds.

Love disse...

Oi Flor,

Sei como é... Muitas vezes desisti de mim e ja quis morrer e isso não tem nem 2 semanas!!! mas to aqui!!! Não sou a melhor pessoa para dar algum conselho. Mas tenta sair dessa!!! Ache alguma coisa que vale a pena investir e corre atras!!! Tenta ocupar a cabeça com algo. Um livro, um curso online, sei lá.

Espero q melhore!!!

Mil bjos

Nine ♥ disse...

entendo vc... ultimamente nao tenho visto mais tanta graça como antigamente... mais o negocio é nao se deixar levar...
levanta a cabeça q tudo vai dar certo.

bejinhus

ruby disse...

[i] Oi Marcy!

Eu li sobre os filhotinhos. Que bom que todos foram adotados, certamente ganharam um bom lar. As pessoas boas são as que adotam cães =)
... e não pense no pior, isso só vai te torturar.

Ah, sei como é essa sensação que descreveu. Já perdi as contas de quantas vezes tive que forçar um sorriso em público =/ . Ai, é um saco! Detesto fazer isso! Agora eu já decidi... quando eu não estiver com vontade de rir, não vou nem sorrir e ponto final.

Melhoras, darling!
Cuide-se!
Beijinhos!