segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Imagine um título mais centrado, uma mistura de equilíbrio e emoção


Minha fome é de vida, e eu tenho gula por emoção. Confundo as coisas, e acabo achando vida em um prato de massa, e emoção em muitos pedaços de bolo. O que eu vomito é a angústia. Os laxantes são pra eliminar o excesso de culpa que me sufoca.
Alguns dizem que o corpo é o reflexo da alma, e outros que você é o que você come. Ambos estão certos.

Eu não faço questão de uma magreza esquálida, sofrida, moribunda. Se for pra ficar nessas condições, eu fico como estou, gorda, com aparência sofrida e moribunda.
Eu quero uma magreza que me permita correr, sorrir, pular sem perder totalmente o fôlego, que me permita não fugir de um abraço desejado, que me faça andar confiante. E a velha história de andar e não deixar pegadas na neve, também não quero isso. Eu quero deixar meu rastro por onde eu passar, quero deixar minha marca nesse mundo, e não acabar como um ser insignificante, que viveu, respirou, comeu, aprendeu e não usou seu aprendizado. Hoje, talvez um pouco tardiamente, mas não tarde o suficiente pra me fazer desistir, eu descobri que sou inteligente, e o quanto posso usar minha inteligência a meu favor, em muitos sentidos.




22 comentários:

(●• LIA •●) disse...

Simplismento ameiii seu post!
Uso suas palavras para mim tb!
Quero sorrir, correr e pular!
Cantar a vida!

É isso ai Marcy...usar sua inteligencia para coisas boas e melhores!

Olha ainda não tinha dito. Mas ameii seu blog. Eu o li todinhoooo. Todas as suas historias e o site de livros que vc indicou...é o máximo. Ainda mais com a dica do valor!

Sejamos magra e feliz!

Boa sorte para todas nós!

Beijos amoriii!

Luciana Kotaka disse...

Olá amiga, entendo como se sente, acho certo querer ser feliz, correr, sentir-se leve. É importante procurar meios delidar com essas emoções que são engolidas como disse. Cuide-se, procure ,resolva. Seja feliz!!! Beijocas

desconhecida disse...

oi amore,saudades de vc tbm...desculpe n ter passado aqui ainda,mas como vc deve ter lido minha net ta uma merda...quanto ao post eu ameeeeeeiiiiiiiii,parece q digitou isso tudo pra mim,ou melhor eu as digitei,é assim q me sinto,totalmente!!
vamos lutar juntas amigas alcançaremos nossos objetivos
amo-te

Andy disse...

Gostei, gostei muito do que disseste!! Um post muito mais confiante!!
Assim é que é!!!
Força Marcy!! Beijo :****

lovely disse...

Oi Marcy!
=D
Você tem razão em tudo o que disse e fico muito feliz por você, de coração!
Infelizmente, eu não posso dizer que compartilho do mesmo pensamento. Tudo isso me deixa louca, obsessiva. Peso, balança, calorias. Se eu pudesse voltar no tempo... não chegaria nem perto dos rótulos de calorias rs

Beijos!!
Amei o post, bastante otimista =)

Gabi Antonelli disse...

Vc é inteligente pra cacete. Vc é muito cabeçuda, Marcy! Vai dizer que não sabia disso? Ah ta! Ai amiga, eu às vezes penso como vc, que quero ser magra normal, outras vezes quero ser magra torando os ossos... não sei mais o que quero... acho que só quando eu chegar aos 60kg eu vou descobrir.
E aí vai marcar um endócrino pelo SUS mesmo pr aconseguir um milagroso? uaehauehaueh

Bjo amora.

PS: falando em abraço, queria muito te dar um abraço, um abraço de urso. xD

capri disse...

oi marcy,
lindo o post. transmite confiança e isso é raro aqui na blogosfera.
no meu caso depende do meu estado psocologico. ora quero ver muitos ossos ora quero apenas ser magra e saudavel. sou muito inconstante.
bju

MISS PRISS disse...

Porque parece tão complicado alimentar-se de emoção e adrenalina quando é isso o que mais se deseja? Porque parece tão difícil esquecer as angustias e medos em busca de uma realidade melhor a fim de não cair em um prato de comida? Quando souberes responder.. espero ansiosamente... passei pra dizer q amo vc.. saudades amiga!!!

pollita disse...

uaaaaaaaaaau. QUE LINDO! Simplesmente amei seu post e com certeza faço das suas palavras as minhas.. fiquei sem palavras, seus textos são perfeitamente ótimos :D
beeijo amr :*

Ariela disse...

Ah, a gata foi vista hoje na garagem do meu prédio. Hoje eu estou exausta, distribui 85 cópias do cartaz na faculdade e na vizinhança, amanhã distribuo mais, faltou cópia para todas as casas na vizinhança, amanhã distribuo mais 35 e acho que deu! Tô vendo daqui há pouco o bairro todo mobilizado atrás da gata!

Quanto ao teu post, eu me sinto exatamente igual, exceto que eu sempre tenho o poder de usar minha inteligência para me auto destruir.
Minha mãe sempre fala comigo desde que eu era pequena, que eu sou muito inteligente, mas que eu uso a minha inteligência para o meu mal que eu deveria usar para o meu bem.
Mas eu simplesmente não consigo, todos os dias eu tenho que morrer pelo menos um pouquinho. Achei um lote vago aqui perto de casa, e estou sinceramente pensando em ir comprar cigarros após o almoço só para miar a comida gordurosa da mamãe, já que eu faço muito barulho ao miar, e nada tira da minha cabeça que é isso que eu vou fazer nas próximas duas semanas.

Bridget Jones disse...

Eu tb quero essa mesma magreza q vc. Não quero ser um fiapo humano, apenas quero poder fazer coisas que eu não consigo estando com todo esse peso. Vestir uma roupa legal, fazer um exercício por mais tempo, uma caminhada longa pela Lagoa... Isso me afz muita falta.
Mas a gente precisa parar de descontar tudo na comida, pq é aí que nós acabamos jogando nossa inteligência no lixo e agimos como bobas. Chega de auto-destruição, né?
Vamos usar nossa inteligência somente a nosso favor.
Beijo, amore! Vamo q vamo!

boneca anoréxica disse...

aii que lindo que você escreveeuu ammr *-*
e você vai conseguir ficar magra, correr e sorrir!
você éuma guerreira Marcy, eu te desejo toda a força do mundo e eu sei que logo estarás magra e linda andando por aí !
beijooos e conte comigo ;*

Unkilling disse...

Fico feliz por ver um texto assim, eu quiria conseguir fazer uma dieta saudável, que me permitisse viver, e nao fugir daquela pipoca com filme com os amigos, mas eu sou uma porca que nao tem limites, por enquanto, vai ser assim pra mim. :/ força ♥

Andie disse...

Esse é um post digno de você, da sua força, da sua inteligência e noção! É disso que precisamos Marcy: da magreza como aliada, com um meio e não como um fim, como um começo pras coisas darem certo, não o abismo que nos levará á derrocada. Só que, infelizmente, não iremos conseguir isso com laxantes, diuréticos ou tempo livre pra colocar besteiras na cebaçs. Precisamos de vida. De preencher os espaços vazios da nossa vida.

=**
Fique com Deus.

Lollipop disse...

tu és isso e muito mais Marcy, acredita em mim.
eu concordo contigo, magro sim, esqueleto nunca. afinal de que serve o esforço se no final de contas o destino for uma cama de hospital ou numa campa.
LOVE

Exahmia disse...

Não podia concordar mais ctg :)

Cristal* disse...

Wow, adoro este post, tão crescido e tão filosófico. Faz-te bem pensar e melhor ainda saber que és inteligente, sim isso és e talentos também tens, um deles é reflexão.
Espero que tenhas calma contigo mesma quanto ao perder peso, tenta fazer.te feliz com as pequenas coisas da vida e evitar o prato como melhor amigo.
bjoka

Rules Of Skinny disse...

olá, desculpa pelo comentário copiado e colado, mas estou fazendo um blog onde pretendo fazer um grande Projeto coletivo por nossos objetivos! Estou te convidando para participar, caso tenha interesse visite o blog, onde tem tudo explicado! Beijos, te espero!!

Tatis disse...

jah ti falei que o seus títulos são os melhores?????

rsrsrsrs

bjos linda

Love disse...

Oi amore so vim agradecer todo o apoio e informar que a partir de hoje o metamorfose ambulante deixara de existir.

Obrigada por tudo e cuide-se!!!

Beijos

(●• LIA •●) disse...

Ola!!!

Passando para deixar um beijãO!
E esperamos notícias sua linda!

Espero que esteja bem!

um enorme abaraço!

Anônimo disse...

Hello. Often the Internet can see links like [url=http://www.whitehutchinson.com/aboutus/]Buy cialis without prescription[/url] or [url=http://www.rc.umd.edu/bibliographies/]Buy cialis without prescription[/url]. Is it safe to buy in pharmacies such goods?