terça-feira, 19 de outubro de 2010

Gritos...Impulsos...

Nos encaminhamos para a plataforma do metrô. Era a hora do rush. Pessoas e pessoas. Eu caminhava sempre um pouco atrás. Eu estava meio arrasada naquele dia. Havia tido um ataque de choro no trabalho, não pelo fato de uma colega ter reclamado da minha estupidez- que é só com ela, visto que não suporto aquela pessoa vulgar-, nem pelo fato de ter levado um puxão de orelha do chefe depois de ter urrado um palavrão ao derrubar um telefone. Amanhã mudo minha postura e isso tudo passa, mas não sei, estava meio sei lá. Fora o fato de ter perguntado pra minha gerente se ela estava com gripe, e ela, com a maior cara de brava disse que não, apenas não havia dormido na noite anterior. Ok. Não consegui finalizar meu trabalho e me mandei assim mesmo.
Voltando a plataforma do trem... O trem veio chegando, eu disse pra ele entrar que eu ia esperar a multidão se matar e entraria em seguida. Escolhemos o vagão mais vazio, não tinha multidão, fingi que ia no impulso mas não, esperei todo mundo entrar.
-SENTA AQUI DO MEU LADO, TEM LUGAR!
-NÃO!
-POR QUE? SENTA AÍ!
-MEU QUADRIL É MUITO GRANDE!
-SENTA AÍÍÍÍÍÍÍÍÍÍÍÍÍÍÍÍÍÍÍ DE UMA VEZ!
Sentei.
-To te amassando né?
-Escuta guria, tu quem tirar essas coisas da tua cabeça.
-Se eu não to te amassando to amassando a pobre coitada aqui ao lado!
-Tá na hora de parar com essas paranóias. Mas quem sou eu pra dar conselhos? É o sujo falando pro mal lavado.

O que as pessoas querem dizer com isso tudo? Mas afinal, sentada, o metrô inteiro ficou sabendo que eu tenho problemas com meus quadris. Mas é legal ter essas pessoas malucas por perto que me fazem fazer isso.


Fora isso nada mudou desde o post passado. To afundada no mesmo monte de lixo. Eu sou o tipo de pessoa imbecil que comete os mesmos erros todos os dias, e nunca aprende. E acho que toda essa coisa de transtornos alimentares está começando a interferir no meu trabalho, já não bastasse todo o resto. Acho que seria mais digno me demitir ao invés de esperar eles fazerem isso, depois que, ah, essa parte esqueci de comentar no começo do post, troquei toda a exposição dos livros de gastronomia por livros de dieta.

16 comentários:

A Noiva Cadáver disse...

Com certeza não é por culpa delas, mas toda vez que eu vejo uma moça nas condições de peso que o post mostra isto me dá mais força para não deixar com que uma compulsão alimentar me deixe assim. Não tenha dúvida, que muitos que lêm os nossos blogs também acreditam que somos da maneira que somos por culpa nossa, e tenho certeza que quando alguns enxergam uma foto de anorexia também sentem pena. AS fotos apresentadas no blog é como se fosse uma demonstração de anorexia inversa, a distorção da auto imagem não é somente das magras. Eu não sei se sinto pena, mas também não posso culpa-las.
Grata pelo comentário.

Anna Williams disse...

Eu tenho entre 93 e 96cms de quadril, mas sei que não são meus ossos, é a BUNDA MESMO que dá este volume extra. Quando eu estava com 46 kgs , magérrima, ainda tinha a mesma sensacão. Hoje eu aprendi a amar estas formas , mas continuo sempre buscando um peso menor. Quero ver um número menor na balanca, quero me sentir mais magra, mesmo com uma BUNDA do tamanho do Brasil como diria Bridget Jones!

Lovely disse...

Oi Marcyy!

Fazendo besteiras? Quando li isso, vim direto pra cá.

Hum... acho que eu já disse isso... mas faz um tempo, você parecia tão bem e te ver assim, mal de novo me dá uma tristeza.

Esses t.a's são uma MERDA! Atrapalha a vida... e como atrapalha!!! Fui me dar conta disso, depois que comecei o curso.
Estou faltando horrores, porque em muitos dias eu tenho vergonha de ir lá e ... me sentir mal com o meu corpo e pirar ainda mais com isso.
Tô enrascada!
E se for assim pro resto da vida?
Ah, tô fudida!

Quero saber melhor como anda a situação aí no seu trabalho =/
Qualquer dia a gente se vê pelo msn e me conta tá?
Também preciso desabafar.

Beijinhos!
Cuide-se
E espero que as coisas fiquem melhor por aí.

vida de ana disse...

Linda temos q prender a separar as coisas do trabalho com as coisas de dentro da gente. no trabalho temos que ser a pessoa perfeita sem demostrar nada de ruim e inguli tudo odeio isso!!!acho q temos t.a por isso nunca podemos demonstrar nada que sentimus!!!!
sei que ficou sem logica esse meu comentario mas mesmo assim!!!bjus e forças

Atras da verdadeira identidade anaemia disse...

Vamos aos fatos concretos...o q te atormenta mais? o seu TA..mas seu TA se manifesta de q forma? vc fica horas sem comer e cai em compulsao...aí vomita..nao entendi bem o q vc kis dizer sobre seu TA..nao entendi bem como ele se manifesta..seria o fato de vc comer de td e nao querer engordar e acaba engordando e se sente mal? só p eu entender...(me perdi total)..mas olha.uma coisa é fato..perder peso está nas suas maos..é dificil, é chato pq o mundo parece viver p comer e a gente acaba sendo diferente da grande maioria..mas vc ker emagrecer...quer ser melhor pq vc está por vezes atrapalhando sua vida social por conta do peso...decida-se..direcione-se e siga em frente..e conte com a gente sempre..bjus

(●• LIA •●) disse...

Oiee florinhaaa!!!

Olha eu também gosto da sensação de temporal.... e tb me sinto culpada por ter familia amigos casa comida blá blá.... e fico achando-me um lixo!
Tá estou atrasada por isso estou comentando o post anterior... não por obrigação... pq queria estar a par das suas situações.

Olha... a muito tempo atrás... na minha adolescencia... eu não tenho mais 20 anos... uma amiga disse: "Nusssss vc não é bonita, pq não tem quadril! Vc pode até ser magra (tinha 50kg) mas os meus quadris chamam atenção.

Que odio! Naquele momente deu-me raiva...queria ter mais quadril...mas hoje sou feliz pelo que tenho... pois a bendita "colega" , hoje não tem mais 20 aninhos e nem o corpinhoooo... e estou beem melhor que ela.
A situação é!? Cada um tem algo que odeio. Massssss tem que conviver... e sempre é bom ter loucos ao nosso lado! Concordo!

Acho que falei anseiras.

Perdão tá!

Beijos!

Anna Bunny disse...

Ah, menina, eu te entendo muito. Vc não é um monte de lixo nem de longe, mas claro q eu tb me sinto assim. Não sei se o TA já atrapalhou meu trabalho, ams vi as meninas comentando o tempo q eu passava no banheiro, assim parei de miar lá. Mas eu sou suspeita pra falar pq agarrei um ódio da Saraiva... mas é livraria, então não consigo passar muito tempo longe :p

Saudade :)

*Dora* disse...

Amiga, assim que der eu passo aqui com mais tempo. Tô correndo agora pra assistir uma aula online aff.
Leio o post mais tarde :**

Spartano disse...

Na atual conjuntura da situação livro de dieta ta mais na moda principalmente verão chegando e tudo mais.
E quanto ao comentario. O sujo falando do mal lavado; Acredito que tenha sido em relação a paranoia. O cidadão tambem deve ser paranoico.
Assim como eu! :-)
Quanto ao que vc falou de pedir demissão. Não adianta prorrogar o confronto.
Uma hora ou outra o problema irá te confrontar e quando vc nao tiver mais para onde ir como será?
Eu acredito que vc tem um potencial enorme. Mas com vc disse no post anterior o vazio em seu peito está te prejudicando.
Não acho q desistir de tudo seja uma opção. Mas tentar resolver o problema na sua excencia acredito q ja ta mais no caminho..

Bjo e precisando é so chamar!!!!

Ácido Sulfúrico disse...

não se demita.vc eh tão jovem ainda.nao tem pq se entregar desse jeito.ja pensou em investir parte da sua grana numa alimentaçao mais saudavel um nutricionista de repente?eu recentemente fui sozinha fazer um cadastro num ambulatorio psquiatrico publico pq quero melhorar.entao vamos la.

alice, disse...

nossa, adorei teu blog e segui. força ok? acho que é o que tu mais precisa.
passa no meu blog pra gente manter contato e conversar tals, tu parece ser legal.

força. ;*

PsicoAnna disse...

Monte de lixo, vc não deve falar assim de vc msm, olha a suja falando da mal-lavada, rsrsrs.

Tenta relaxar, eu tb vivo cometendo erros.

Bjosss

*Dora* disse...

Marcy, interessante vc ter falado isso pq no meu post eu escrevi algo sobre como nós falamos sobre nós mesmas. A gente tem que tirar essa visão negativa da nossa cabeça pq tá demais, tanto que a gente deixa transparecer a nossa nóia sem necessidade, tanto que ele percebeu e te deu esse conselho no metrô né?
E vc se perguntou o que ele quis dizer com isso, como se vc fosse a única pessoa que tivesse problemas, medos, inseguranças... ele pode estar passando por cada coisa que vc, no seu mundo, nem imagina, talvez as mesmas coisas que vc... quem sabe?
Ou não! Talvez ele apenas esteja realmente interessado e se importe com vc. :)))

Se o T.A. tá interferindo desse jeito na sua vida, faça o que eu fiz, procure terapia.

:**

Linnah; disse...

Oii Marcy :]
Eu acho que o fato de ter TA's atrapalha mttt mas só se a gnt deixar. Tenta esquecer um pouquinho, vc é muito mais que isso!

Esquece essa colega doida e não se deixa abalar por nada que ela fala.

Fique tranquila, tudo melhora um dia :)

Beijos
Linnah

Ramona disse...

Será que nossa preocupação com nosso peso nos deixará malucas? Eu tbm também tenho tratado mal algumas pessoas, tenho sido deseducadamente sincera, agressiva. Mas não é sempre. Acho que o melhor jeito de enfrentar pessoas irritantes que temos que aturar é usando uma máscara, com um enorme sorriso amarelo estampado nela. É o que eu faço [quando tenho saco pra isso].

Holly disse...

ai amiga, sabe acho que já está na hora da gente cuidar disso.
De procurarmos ajuda.
Se isso já está nos atrapalhando em coisas importanter é porque não dá mais.
Essa semana marquei uma consulta com a psicóloga ..
boa semana amor e essa fase ruim vai passar.