sábado, 28 de janeiro de 2012

De uma forma ou de outra, uma dose de sofrimento

"Isso não é vida."

Foi o que a minha mãe me disse quando eu acordei meia-noite para dar início às minhas atividades não tão diárias. 


Também acho que não é vida, mas talvez eu prefira assim, porque ver ela se destruindo durante o dia dói, sabe. Em uma conversa com lágrimas e sinceridade disse que ultimamente tem doído olhar pra ela, ver como ela se entregou, e a recusa dela em buscar ajuda junto com o complexo de vítima, sempre procurando algo para culpar os problemas dela. Ok, não acho que a vida dela tenha sido um mar de rosas, mas pra que remoer passados, pra que buscar tanta tristeza e se jogar de cabeça na dor e na mágoa?!?!

Mas olha quem fala, eu tenho seguido o exemplo de forma impecável.

Ao menos ela foi no médico, só não sei se dará continuidade ao tratamento ou se vai escolher sofrer e ir morrendo aos pouquinhos, me levando junto, porque se não há a vida, é porque falta uma razão para correr atrás e viver um pouco, e por mais que me digam que eu não posso valorizar tanto isso e aquilo, ela é uma razão, a de maior importância na minha vida. E como eu disse, se não há vida não há uma razão.




5 comentários:

Dreaming Out Loud disse...

Ahhh, nossa, pareceu minha mãe. Tirando o fato de com sua mãe ser de verdade e com a minha eu já nem sei dizer...
Fica assim não linda, tudo vai dar certo. :D
se cuida, tá? beijinhos :*

Anna disse...

Olá tdo bem??
Gostaria de ter amizades com vocês criei um blog ontem ...tomei coragem espero que me aceitem... meu blog ou dar dicas de anna e mia.
http://apaixonadapelaminhaanna.blogspot.com/

The Teen Spirit disse...

Bem, eu nao acompanho o blog a mtttt tempo, mas acho que vc nao deve perder a fé.
A Audrey Hepburn sempre foi taaao linda, né (mudando totalmente de assunto).
Kikis

Prih disse...

não acompanho seu blog a muito tempo, então não sei se entendi direito o seu post..mas não desista, não se entregue..tenha fé..e força. Beijos

Anna Sophia Robb disse...

Eu tb flor naum acompanho seu blog a muito tempo,naum sei oque a sua mãe tem mas enfim naum desista de ser feliz,procure ser forte e encarar as coisas com garra!Encarar as coisas desse jeito as tornam mais difícieis...
Beijo flor,um maravilhoso domingo para vc