quarta-feira, 5 de setembro de 2012

"Até um dia, até talvez, até quem sabe"

Gente, vou dar um tempo.
Tudo está desabando.
Preciso me recompor, aí então eu volto.
Eu preciso de ajuda e acho que é dado o momento de dar o braço a torcer (novamente) e procurar um psiquiatra/terapeuta/psicanalista. Algum profissional que possa me ajudar. Não quero continuar riscando o meu corpo, não quero continuar me trancando no quarto, não quero continuar me isolando, não quero voltar a vomitar, não quero continuar tomando cinco laxantes a cada três dias... eu não estou apenas me destruindo, estou destruindo a minha família, que sim, é composta por uma única pessoa além de mim... pessoa esta que, não bastasse os próprios problemas e a minha falta de apoio em relação à eles, ainda tem que aguentar minhas crises, as horas em que eu fico trancada no banheiro passando mal, eu batendo na porta do quarto dela exclusivamente pra chorar no meio da noite. Ela me disse que a culpa que eu carrego está estragando todas as minhas possibilidades de ser feliz. É, talvez ela tenha razão, mas minha culpa não é sem fundamento, eu falhei com uma pessoa, lá em 2009, nunca vou esquecer, falhei de verdade, estava imersa nestes mesmos transtornos em que estou agora, e novamente tenho a sensação de que vou falhar com a minha mãe desta vez, como eu falhei com outro alguém. Então antes que eu estrague tudo e me pegue cheia de novos arrependimentos, vou tentar mudar, vou buscar ajuda.

Obrigada e até breve.

12 comentários:

Beatrix disse...

Marcy, querida! Sei como é esse sentimento de querer sair por uns tempos, eu estou me sentindo exatamente como você...
Leio seu blog há bastante tempo, adoro o que escreve, adoro seus comentários e a sua presença, que agora me fará muita falta. muita mesmo...
como você está querendo se tratar eu entendo e apoio totalmente, mas se eu lhe pedisse um favor, poderia tentar fazer ele? Gostaria muito de ter seu email... é que apesar de não ser de falar muito, eu gosto muito mesmo de você,.de como fala e da maneira como se parece comigo.. Já te considero uma amiga, e gostaria de manter o contato para saber como você está, para falar como eu estou, enfim... Só não quero perder o contato com a menina que me fez reabrir o meu blog... Pensa, se não quiser me passar seu email vou entender, mas saiba que vou sentir demais sua ausência.

Fique bem, conta comigo... (desculpa os erros, estou postando de celular)

Beatrix

Viviana Ruiz disse...

Marcy, você acredita que precisa se afastar para reorganizar as coisas? Tem total apoio. Aquilo que for melhor parar você. Cada vez que presencio garotas saírem para melhor deste mundinho medíocre, eu comemoro. Porém, precisando desabafar sem julgamento, continuamos aqui.
beijos

Nyu! ~ disse...

Marcy querida! Sou eu, a "no food". Voltei pros blogs da vida porque preciso desabafar e sei que escrever vai me fazer bem... Uma pena eu voltar quando vc tá saindo... Mas como disse, é só por um tempo. Te desejo melhoras querida, sabe o quanto gosto de ti! Meu blog tá na descrição, se quiser dar uma olhada, fique a vontade. Ele não é exclusivamente de TA, pretendo falar de corpo, mente e alma. Precisamos deixar tudo em harmonia pra sermos felizes né? Beijos querida, melhoras e se cuida! :)

Mariana disse...

Tem todos os meus votos de uma excelente recuperação...
Você está sendo muito mais forte agora, porque os caminhos mais fáceis são, talvez, os de permanecer por aqui enquanto se afoga em meio aos transtornos alimentares e aos cortes. Claro que eu não queria que você fosse, mas eu prefiro que você vá e volte melhor ou perto daquilo que chamaríamos de cura.
Faço, com todo o respeito, das palavras da Beatrix as minhas. Ela falou exatamente tudo o que eu também acho e sinto em relação a você e ao seu blog.
Um abraço apertado.
Cuide-se e recupere-se. Estaremos todas esperando por você, Marcy.

Mariana disse...

E não posso deixar de agradecer, pois suas palavras e postagens, com as quais sempre me identifiquei muito, me ajudaram em vários momentos. Vou sentir falta de vir aqui e ler você. Realmente sentirei saudades.
Despedidas sempre me preocupam, ainda que sejam temporárias...
Mas que seja pelo melhor...
=**

Coca-Cola Zero disse...

te dou todo apoio do mundo e desejo de coração tudo de bom e toda srte do mundo!!!
bju

Jessy Evelyn disse...

Fixo imensamente feliz por voce ter decidido procurar ajuda, se eu tivesse um pouco mais de coragem eu faria o msm. T.A e uma merda e ninguém merece passar toda uma vida com ela. Te desejo MUITA SORTE, e FORÇA DE VONTADE, porque voce sabe que é dificil. Besitos, e parabens por tentar dar a voltar por cima.

Janna disse...

Espero que você fique bem, menina Amélie!
Sei que tudo aqui pode fazer doer... E se você for ficar melhor, eu te desejo toda a força e coragem do mundo para procurar a ajuda necessária para ser feliz!
Mas nos dê notícias às vezes?

Sentirei muito a sua falta!

(●•Lia•●) disse...

Que se organize,melhore e retorne para nós com notícias sei elas qual forem! Abraços linda Marcy!

DDD*

Squi Ana disse...

Espero que esteja tudo bem contigo amiga! Tem horas que precisamos dar um basta em tudo mesmo, nos afastar e pensar com nossos botões, sei bem como é, as vezes dou uma pausa na vida também...

Espero que volte para nos dar notícias, sentiremos saudades!

Beijão, SquI!

Atras da verdadeira identidade anaemia disse...

Q sua ajuda seja acertada e q vc venha se libertar de td q te faz mal e q novo ciclo se inicie na sua vida!! É o q desejo de <3

Pucca disse...

o primeiro passo você já deu! agora é esperar as noticias. FICA BEM! <3