terça-feira, 5 de novembro de 2013

Uma recuperação, um desenho e uma lembrança


Primeiramente, a cadelinha parece estar se recuperando milagrosamente. Não tenho do que reclamar. Aliás, obrigada por todas as palavras positivas que foram deixadas aqui.

Venho engatando o presente em marcha lenta, mas volta e meia, como agora, me lembro de momentos agradáveis do passado. Gosto de usar apelidos que combinem com as pessoas que eu cito.  E foi me arrependendo de ter jogado um desenho fora há alguns meses que recordei do Futuro Psicólogo, o único cara que não se assustou com meu... conjunto peculiar.  Desabafei com ele por cerca de duas horas e meia (absolutamente sobrea), sentada em um balcão. No fim fiz uma observação sobre o tempo que fiquei falando, para ele dizer que afinal de contas, eu era uma pessoa normal pra ele. Na semana seguinte, na mesma droga de balcão, ele disse que estava afim de desenhar um animal e perguntou qual eu gostaria de ganhar. Pedi um unicórnio. Depois de desenhar um unicórnio e me entregar, ele pediu o papel novamente, e quando me entregou, tinha desenhado o zoológico inteiro, como se unicórnios existissem. Dã, que bobagem, né? Marcamos de sair um tempo depois, mas eu desisti de ir. Desde então, falei com ele por SMS no último ano novo, e só. Triste né, como as pessoas vem, vão, somem e nunca mais sabemos delas. Gostaria de poder dividir um balcão novamente com o Futuro Psicólogo, mas acho bem difícil, até porque não se vive de passado. Mas quando não se tem muita perspectiva futura, recordar esses momentos causa uma mistura de sensações boas e ruins.


17 comentários:

anii. disse...

eei gata, adorei seu blog! se puder passa la no meu :}
força ;*

Luria Corrêa disse...

Que bom que a cadelinha está vem, Marcy :)
Ah, lembranças... Eu não vejo mal algum em recordar, como as pessoas dizem. As lembranças impulsionam de uma forma ou de outra nossos novos passos. E conhecer gente nova e interessante é tão legal! Entretanto, é uma pena quando isso fica para trás. Mas saber que o mundo ainda está cheio destas jóias escondidas, consola um pouco. Cultivei "amizades" com pessoas muito interessantes, principalmente pela internet (e foi assim que hoje eu cheguei ao melhor namorado do mundo), o que não quer dizer que elas não possam estar pertinho de você, esperando uma manifestação para levantar a mão e dizer "opa, eu também penso assim".
Eu adoro desenhos, e como o seu último remete a uma lembrança da qual você sente falta, gostaria de fazer um pra você. Você quer?

Abraço! E obrigada pela visita no blog.

Rebeca e Ana Mia disse...

Que bom que a cadelinha já esta melhor!!!
Não se preocupe muito com isso não essa coisa que tentamos alcançar a divina perspectiva futura não costuma sair como queremos mesmo, o bom é que nos permite surpresas e cedo ou tarde você terá uma nova descoberta.

ka Lima disse...

Oi!!!
Que bom que a tua cadelinha melhoorou, fico feliz.
Quanto à lembranças, faz tanto tempo que eu tô trancada em casa que quando eu lembro do passado parece que aquela vida é de outra pessoa.
Mas que pena que as velhas oportunidades nem sempre se repetem, temos que seguir em frente.
Bjus!!!

Nic Summers disse...

Fico feliz pela cadelinha, eh muito bom quando nossas expectativas são superadas. Essa sua história me lembrou um menino que conheci antes de namorar, eu simplesmente me afastei sem motivo, fico imaginando como seria se tivesse levado a sério. Não há mal algum em recordar, mas viver de passado faz mal também. Força, flor. Abraços

Beatrix disse...

Que bom que você está bem e que a cadelinha está se recuperando. Eu já pensava o pior, daí imaginei que você estivesse longe por isso, graças a Deus que não...

Sobre o que disse lá no meu blog, sim, chega de perder roupas, chega! Não quero perder mais uma calça, outra blusa, só mais um vestido, porque não entram mais em mim. Vamos juntas? Já tenho uma roupa objetivo ^^
Sobre o Arnaldo, adoro o Herói de Brinquedo e fico esperando esse filme passar todo Natal. Parei pra pensar e acho que gosto de todos os filmes dele (antigos), acho que até ele grávido desce, rsrsrs...

Sobre o Futuro Psicólogo, Eu acho que é bem aquilo que conversamos mesmo. Você, mesmo com toda sua história, não é um extraterrestre ou uma louca irremediável, você só teve problemas, que te afetam de certa maneira, mas ainda é alguém, tanto pra se amar como pra ser amada por você mesma... Quando ver isso, vai ver como é interessante, se eu fosse homem, pegava! Hahahaha xD

Beijos, obrigada por não sumir!

Anita Perfeita disse...

Oi Marcy!

Que bom que a sua bichinha já apresentou melhora!

Ah lembra que eu te disse que só tinha 2 gatos pq os outros o povo envenenou?
Pois há duas semanas meu marido ia passando de carro perto de um posto de gasolina e viu duas gatas filhotes uma em cima do pneu de um carro estacionado e a outra embaixo,ele não pensou duas vezes e trouxe as duas meninas aqui pra casa, e eu estou criando no leite pq são muito novinhas*-*
Tirei fotos só 1 semana depois pq estavam tão desnutridas que fazia dó,próximo post eu coloco as fotos pq este último que fiz já ficou gigante shuashuashuas!
resumindo:nós(meu marido e eu) adoramos animais!
Ah tem uma receita infalível para sarna que eu uso as vezes até pra evitar:óleo de coco(desses extraídos a quente) não é o extra virgem não,é aqueles simples que se acha em feira livre,e na farmácia vc compra baratinho enxofre em pó,mistura os dois e faz uma pasta e passa no pêlo do bicho todinho só cuidado com o rosto pq dos olhinhos,e deixa o bicho lamber e fazer o que quiser pq não faz mal de jeito nenhum,depois de uns dias vc pode dar banho,não tem sarna que aguente. Vc vai ler em algumas embalagens dos próprios enxofres esta receita pra combater sarna em gente e em bicho!

Um unicórnio?
Hahahahahahaha eu ri!

Beijos ^^

Jacky Secrets disse...

Que bom que sua cachorrinha esta melhorando. Eu também gosto de lembrar das pessoas do meu passado, dos momentos bons, já que não tenho mais elas por perto por pura opção minha, fico apenas com as boas lembranças....Tudo de bom pra você.
Stay Strong!

xoxo

Marina disse...

Mais melhoras pra cachorrinha =)

E é tão...tão...tipo, as pessoas veem e vão...fácil assim...pq? /=

Lovely disse...

Oi Marcyyyy!
Fiquei tão feliz ao saber que a cachorrinha está melhor ^^ Espero que ela continue melhorando para que vocês possam passar muitos anos juntas.

Ah, essas memórias. Também perdi contato com muita gente bacana - a maioria, eu conheci no hospital e aqui na blogosfera. Mas teve uma pessoa em particular que me faz muita falta. Conheci ela no hospital e depois disso, ela tentou suicídio várias e várias vezes. Sempre nos falávamos e de repente, ela não me ligou mais e eu achei isso muito estranho, até porque ela estava bem esquisita naquela época. Infelizmente, perdi o número de telefone dessa minha amiga e nunca mais recebi notícias. Eu sei que não a magoei, mas ainda assim espero que tenha sido esse o motivo para ela se afastar. Não gosto de pensar em outra possibilidade :(

Beijinhos, Marcy!
Fique bem.

Brittany disse...

Ola, fiquei muito contente em saber que sua cadelinha esta bem.
Acho muito angustiante a forma de como algumas pessoas saem de nossas vida, mas eu também sou péssima em conservar amizades, mesmo eu não gostando da solidão.
Mas me conte, continua a fazer caminhadas?
Beijos

Janna disse...

marcy, minha linda, trabalhar o amor próprio é algo que a gente faz bem aos pouquinhos... como trabalho de formiguinha!
Eu tenho tentado fazer desses pequenos esforços para me amar uma rotina diária. Será que não este o nosso caminho?

Bem, fico muiito feliz por tua cadelinha estar melhor! Isso é maravilhoso! Por isso que eu sempre digo, a esperança não pode morrer, né? Não perca as tuas esperanças em nenhuma das áreas que parecem perdidas, minha linda.

Adoro lembrar das coisas do passado, elas sempre nos dão dimensão do que já vivemos...
Por isso acho lindas as tuas recordações! lembra da caixa de criança achada pela Amélie? Ela a levou a um mundo novo!
Nossas recordações são muito mais do que simples pedaços de passado, minha linda. Pensa nisso!
Cheirinho ♥

(●•Lia•●) disse...

Ola Marcy!
Que bom que a cadelinha esteja melhorando! Fico feliz por ela por vc e por todas nós que torcemos por ela! :]

Amiga, realmente viver de passado não dar, mas esquece-lo por completo também é algo errado, pois podemos tirar boas lições as quais poderemos usar no futuro, parece frases clichê e repetitivas, mas são... como diz a música ♫ mas quais são as palavras que nunca foram ditas ♫ ....

Não ache que vc não vai encontra nuncaaaaaaaaaaaaaa alguém! Isto é o que sempre pensamos, eu sinceramente já pensei assim e por isto não condeno os seus pensamentos os seus sentimentos e, sei bem como é!
Eu quando tinha sua idade eu achava que nunca nunca mesmo iria encontra alguém que aceitasse-me como sou, que me amasse, que todos os caras eram ruins, que eu não merecia alguém, que eu era isto, aquilo... e ficava vendo todas amigas colegas vizinhas... "se dando bem" que hoje não estão tão bem assim, alguns, outras sim!

Como vc sabe, hoje tenho um relacionamento sólido, que amo de paixão, que tem SIM, seus trancos e barracos, mais que eu amo estar com ele. Foram dura caminhadas até chegar onde estamos, e mesmo assim ainda temos umas DM... mas são 10 quase 11 agora dia 13/12/2013 juntos namoro/noiva/casamento!
Vc que me acompanha há tempo sabe que comemoramos nosso primeiro beijo que é dia 13/12... e assim seguimos. É fácil não Marcy, nada é mar de rosas. Que disse que viver uma mar de rosas estar a metido... pois viver a dois é complicadíssimo...mas dar para ser!

Mas talvez vc pense: "Lia* é fácil para vc falar(escrever) pois já tem alguém...!" Mas eu já tive sua idade, já passei por isto, e muito mais... se eu contar para vc... vc vai rir e chorar...via ver que não é muito diferente... ainda ter envio email contando algo? Quer ler? kkkkkk


Beijocas!
Te gosto muitíssimo!

(●•Lia•●) disse...

*DR e não DM O.o

Ahhhh ouve outro erro de digitação...mas dar para compreender!


[]---[]

Cecilia Ana disse...

Bom dia!
Mesmo sem conhecê-lo, mas pelas suas palavras, até tive uma lembrança confortável do Futuro Psicólogo.
Quem sabe vocês não se esbarram novamente? O mundo não é tão grande assim...
Obg pelo comentário.
Desculpe a demora em respondê-la.

Luiza Marchi disse...

Querida, o mundo dá voltas, você sabe... Sempre tem um amanhã, um dia depois do outro (olha quem está falando isso, a pessoa mais sem perspectiva haha) mas é bom pensar um pouco de outra forma, ser mais otimista...
Eu também me apego, aos que passam e não ficam, e fico pensando "como seria se estivessem aqui?"
Dá uma crise existencial nesses momentos né? rsrs

Refúgio disse...

Que bom que ela melhorou !! Você poderia voltar a conversar com o carinha aí, pq não ? Não custa tentar ... Tem o telefone dele ? Face ? Sei lá, tente. O máximo que vai acontecer é ele te dar um fora rs